Saulo possuí média incrível e afirma viver o melhor momento da carreira

Em 2015, goleiro sofre um gol apenas a cada duas horas e tem média superior aos titulares dos quatro grandes de São Paulo
 


Como diz o ditado, um grande time começa por um grande goleiro. Essa máxima do futebol se aplica perfeitamente ao São Caetano nesta temporada, pois além da equipe brigar pela liderança de seu grupo na Série D e possuir o melhor ataque da competição, o desempenho do dono da camisa 1 tem chamado a atenção.

Saulo atuou em 24 partidas e sofreu 18 gols, atingindo assim a média de 0,75 por jogo. Se transformarmos o numero de jogos em minutos, passamos dos 2.160, ou seja, o camisa 1 sofre um gol apenas a cada duas horas de bola rolando.

Os números do capitão do Azulão são tão expressivos que superam os quatros goleiros dos grandes clubes paulistas. Cássio, do Corinthians sofreu 34 gols em 43 partidas (média de 0,79), Fernando Prass, do Palmeiras, levou 37 em 44 (0,84), o santista Vanderlei  tem a marca de 1 gol por confronto (25 em 25) e o são paulino Rogério Ceni a de 1,05 (36 em 34).

- É muito bom saber que as coisas estão dando certo, mas o mérito é também de todo o grupo que ealiza uma excelente marcação que começa nos atacantes, da comissão técnica que soube montar este elenco. Todos nós trabalhamos muito duro em busca do objetivo que é sempre vencer – afirmou Saulo.

Aos 30 anos de idade, o atleta acredita estar vivendo o melhor momento de sua carreira. “Creio que sim, sempre ouvi dizer que o goleiro fica melhor com o passar dos anos e hoje vejo que isso é verdade. Sinto-me mais maduro e sei como me comportar em diversos momentos, posso dizer que neste momento me sinto muito feliz”, declarou o goleiro.

O próximo desafio do São Caetano será no domingo (30), quando a equipe viaja para enfrentar o Foz do Iguaçu, no estádio do ABC, às 16h. Para Saulo, o fato do adversário não ter mais chances de classificação não torna o duelo fácil. “Temos que respeitá-los, porque eles jogam em casa e vão querer deixar uma impressão melhor para o torcedor, mas vamos em busca dos três pontos para, quem sabe, definirmos nossa classificação”, completou.

Com 12 pontos, o Azulão possuí seis a mais que o terceiro colocado, Volta Redonda; caso esta diferença seja ampliada a equipe estará garantida na fase seguinte ao final da rodada.

Assessoria de imprensa
assessoria@adsaocaetano.com.br

Please reload

© 2018 A.D. São Caetano

ACOMPANHE:

  • YouTube - White Circle
  • Twitter - White Circle
  • Facebook Clean
  • Instagram - White Circle